sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Iogurte Grego Milbona Ligeiro 1kg - Resposta do LIDL!

Já aqui tinha tornado público e explicado o porque de aconselhar o iogurte grego - Milbona Ligeiro de 1kg (ver aqui) que está à venda nos supermercados Lidl, como um dos melhores do mercado.

Mas, mais recentemente tanto os nossos leitores como eu próprio tinha reparado que o rótulo do iogurte sofreu alterações, na medida em que, a lista de ingredientes tinha desaparecido da embalagem. Como não tinha percebido bem o que tinha acontecido decidi contactar o Lidl. A resposta essa chegou ontem e decidi agora partilhar convosco. O iogurte não sofreu alterações e continua a ser uma excelente escolha.

Obrigado ao Lidl, pelo esclarecimento.

Excesso de Peso & Obesidade - Riscos e Consequências

A relação entre o peso corporal e a saúde é uma relação complexa e por vezes ainda mal retratada, sobretudo o volume da cintura que representa uma ameaça mais efectiva do que propriamente o IMC ou o peso bruto de um corpo.

E que consequências se podem esperar do excesso de peso e obesidade?

#Cancro. Certos tipos de cancro (colón, intestino grosso, mama, útero, esôfago, rim)  então intimamente relacionados com o excesso de peso.
Epidemiology and pathophysiology of obesity as cause of cancer.
#Diabetes Tipo II. Eis um estudo a revelar a importância da circunferência abdominal no risco da Diabetes tipo II Obesity, fat distribution, and weight gain as risk factors for clinical diabetes in men.
#Fígado Gordo. O excesso de peso é usualmente acompanhada de fígado gordo não alcoólica, uma doença que é causada pela acumulação de gordura no interior das células do fígado (embora também possa ser visto em pessoas com o peso normal, mas que evidenciam resistência à insulina)
#Dificuldades Respiratórias. Dificuldades respiratórias são comuns em pessoas com excesso de peso e são, por vezes, devido a insuficiência cardíaca. Há até alguns estudos que sugerem uma conexão entre excesso de peso e asma. Weight loss and asthma
#Inflamação. É cada vez mais considerado uma característica da obesidade, com descobertas de níveis elevados de marcadores inflamatórios como a Proteína C-Reactiva.
#Baixa Auto-Estima. #Depressão #Hipertensão #Risco de Doença Cardíaca #Degeneração das Cartilagens #Distúrbios em Hormonas Sexuais. Com referência, novamente, ao perímetro abdominal. Obesity, fat distribution and infertility. #Falha Renal, etc etc etc.

Não são poucos os motivos para ficarmos alarmados com o excesso de peso e a parte estética é apenas a ponta do iceberg.


terça-feira, 18 de agosto de 2015

Gelato Cremoso de Morango..a minha experiência!

E aqui estou de volta para vos apresentar o gelado que preparei no fim de semana!!

É uma receita super simples, com poucos ingredientes e que tanto pode resultar num gelado como numa mousse.

Os ingredientes necessários para esta receita são:
* 500g Morangos
* 100g Frutos Silvestres
* 250g Iogurte Grego Natural
* 2 Pacotes de Natas
* 2 Colheres de sopa de Mel

Modo de preparação:
- Bater as Natas
- Juntar as 250g Iogurte Grego Natural
- Colocar as 500g Morangos num liquidificador até ficar em polpa, posteriormente juntar a polpa com as natas e o iogurte
- Adicionar as 100g de frutos silvestres inteiros
- Juntar as duas colheres de sopa de mel e mexer bem todo o preparado com a colher de pau até obter uma mousse.


É só levar ao congelador e o gelado está pronto!

Para os apreciadores de mousse não deixem escapar a possibilidade de prepararem uma das melhores que já comeram, para isso é só juntar duas folhas de gelatina (previamente aquecidas) ao preparado final e em vez de levarem ao congelador, coloquem o preparado no frigorífico.


O resultado final é um gelado (ou mousse) com ingredientes de elevada qualidade nutricional (e não se deixem enganar: as natas, desde que bem escolhidas, são um excelente alimento ao contrário do que se possa pensar) e com um sabor que o irá surpreender! Experimente...

No que toca à escolha das natas, há que ter em conta que nem todas são boas opções:

Nata, marca Pingo Doce
No caso da nata representada na imagem há adição de Mono e Diglicéridos de ácidos gordos, também usado em várias listas de ingredientes com o nome de E741 / E472 (que se usam também em margarinas) que serve para tornar as natas ainda mais cremosas, mas que é um ingrediente que devemos evitar.

Nesta receita usei natas Longa Vida da Nestlé e que tem como ingredientes apenas e só: Natas Frescas e fermentos lácteos e foi uma óptima escolha já que são perfeitas para bater (não serão tão duras como as do pingo doce por não ter emulssionantes) e em termos de sabor creio que serão a melhor escolha, com um ligeiro travo amargo.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

A minha experiência |Ovos & Colesterol|

O tema não é novo, afinal há um separador no blog apenas para o tema OVOS, com vários artigos e que pode ver aqui:

  1. Ovos, mais de 2 por dia? It´s OK!!! - Parte II
  2. Ovos, mais de 2 por dia? It´s OK!!!
  3. E quando os Ovos Caseiros já escasseiam....
  4. Em Defesa dos Ovos...Melhoria da Sensibilidade à Insulina & Melhoria do Perfil das Lipoproteínas
  5. Ovos Caseiros vs. Ovos de Aviário
Hoje vou vos escrever sobre a minha experiência pessoal, consumo 3 ou mais ovos por dia já há alguns anos e o resultado esse queria aqui partilhar convosco nas mais recentes análises que fiz:


Sabendo que só um Ovo tem tanto colesterol como o "recomendado" para todo o dia....talvez seja hora de admitir que na generalidade o colesterol dietético pouco tem a ver com os seus níveis no sangue.

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Dieta com Base em Cereais VS Dieta Paleo

Acredito que a nossa evolução como ser humanos tem muitas respostas, para perguntas que tenham como base biologia/saúde/dieta. Mais, acredito que nada em biologia faça sentido, salvo à luz da evolução e talvez por isso devêssemos olhar mais para o nosso passado como seres humanos.

Não gosto especialmente de dar nomes às "dietas", mas achei engraçado este estudo ao comprar uma dieta isenta de cereais a uma dieta com base em cereais (como a actualmente defendida pela roda dos alimentos). Quais foram os resultados desta comparação?
  • Melhor Sensibilidade à insulina, na dieta "paleo" (sem cereais)
  • Níveis mais baixos da proteína C-reactiva*, na dieta "paleo" (sem cereais)
  • Tensão arterial mais baixa, na dieta "paleo" (sem cereais)
  • Aumento de peso, na dieta com base em cereais

* A proteína C-reactiva (PCR) é uma substãncia produzida pelo fígado e lançada na corrente sanguínea. A PCR aumenta na presença de uma inflamação e é medida por ter um papel primordial na aterosclerose, que está também associada a doença cardiovascular.

As curvas que representam o peso médio dos grupos começaram a divergir após 3 meses de alimentação das diferentes dietas. 
Níveis de insulina, após a ingestão de alimentos em cada uma das dietas


O resultado de tudo isto, demonstra que tanto porcos, como nós (seres humanos - ver aqui) não estamos adaptados para uma dieta que incorpore grandes quantidades de cereais (pão; bolos; massas; cereais de pequeno almoço; etc etc etc).

Ainda à pouco tempo citei o Dr.Lieberman..."Se quisermos prevenir doenças, em vez de apenas tratar os sintomas, precisamos reflectir sobre o nosso passado evolutivo"