terça-feira, 10 de novembro de 2015

Relação entre Dieta Ácida e Cancro


Relação entre pH da dieta e Cancro é um dos assuntos do momento no mundo da nutrição.

Sendo a carne, o peixe e o ovos um dos principais responsáveis pelo parte ácida da nossa dieta, deveremos nós deixar de os consumir ou limitar a sua ingestão (o mesmo já não se pode dizer dos alimentos processados/industrializados que também ele tem um potencial ácido!)?

Num exame feito pelo seguinte estudo cientifico Examining the relationship between diet-induced acidosis and cancer, parece não haver dúvidas que sendo difícil de medir a contribuição de uma dieta com um pH Ácido no aparecimento do Cancro (isto porque leva muitos anos para medir qualquer efeito no que ao cancro diz respeito) a verdade é que revela o papel fundamental do equilíbrio ácido-base da nossa dieta em doenças de incompatibilidade.

Embora este estudo examine o potencial de risco de cancro promovidas por uma dieta ácida e sendo a Carne / peixe / Ovos um dos principais factores envolvidos na promoção da produção de ácido endógeno, deve ficar claro que a diminuição do consumo de proteína não é uma estratégia dietética recomendada para alcançar um melhor equilíbrio ácido-base. Há evidências científicas que sustentam o conceito de que a esse equilíbrio deve conseguido através do consumo de frutas e legumes, que adequadamente servem para neutralizar o excesso de [H + produzido a partir de metabolismo de proteínas] The Alkaline Diet: Is There Evidence That an Alkaline pH Diet Benefits Health? "Increased fruits and vegetables in an alkaline diet would improve the K/Na ratio and may benefit bone health, reduce muscle wasting, as well as mitigate other chronic diseases such as hypertension and strokes."

Dietas alcalinas resultam num pH mais alcalino da urina (e não do sangue, como já vimos num outro artigo) e num elevado número de benefícios para a saúde.

Sem comentários:

Enviar um comentário