sábado, 7 de fevereiro de 2015

Creatina...Suplementação a Longo Prazo & Função Renal

A Creatina é sem dúvida um dos meus suplementos preferidos, tanto pela sua efectividade na recuperação, na resposta adaptativa ao treino como também pelos excelente resultados documentados ao nível força, velocidade e potência*.

*Ganho de força máxima após 8 semanas de intervenção com Creatina, em ratos sedentários (SED) / ratos treinados (RT). Intervenção com e sem Creatina (Cr).
Já não é o meu primeiro artigo sobre a Creatina:

Creatina Monohidrato - Efeitos adversos, MITO ou REALIDADE?

Convivendo com atletas altamente treinados com uma dieta rica em proteína e sentindo preocupação e alguns entraves no consumo de Creatina (e a isso muito devia as dúvidas em volta da sobrecarga renal que poderiam ter ao ingerir "altas" doses de proteína com uma suplementação de Creatina) acho necessário partilhar aqui este artigo realizado por um grupo de investigação Brasileiro:

Does long-term creatine supplementation impair kidney function in resistance-trained individuals consuming a high-protein diet?

O objectivo deste estudo foi determinar os efeitos da suplementação de Creatina sobre a função renal em indivíduos altamente treinados e que ingeriam uma alta dose de proteína diária.
A conclusão a que chegaram não poderia ser mais clara, um protocolo de suplementação de Creatina durante 12 semanas, com toma de 20g/dia durante 5 dias seguidas de 5g/dia durante o resto do protocolo, não afectou a função renal em indivíduos saudáveis, altamente treinados e com uma dieta rica em proteína, reforçando deste modo a segurança deste "super" suplemento!

Não houve diferenças significativas entre os grupos para nenhum dos parâmetro




Sem comentários:

Enviar um comentário