sábado, 23 de maio de 2015

Deverá uma dieta baixa em Hidratos de Carbono, ser uma dieta alta em Proteína?

É uma questão transversal a quase todas as pessoas que procuram seguir uma dieta "low-carb" para perda de peso.


Uma dieta baixa em HC não tem de ser uma dieta alta em proteína (quer dizer se, partirmos do princípio que só devemos ingerir 0.8g de Proteína por kg/corporal como nos querem impingir os dados "oficiais", então digo que devemos consumir valores bem superiores a estes). E digo isto porque o nosso corpo tem a capacidade de no fígado "transformar" a proteína em hidratos de carbono.

O que muitas pessoas se esquecem é que nem só os HC estimulam a insulina. Obviamente que ingerir muita proteína não eleva os níveis de açúcar no sangue, mas pode aumentar os níveis de insulina circundante (a insulina tem o poder de transmitir ao corpo que deve armazenar gordura).

Como referi à pouco de facto 0.8g de proteína é manifestamente pouco (se tivermos em atenção o caso de atletas, é ainda mais preocupante). Como referi num artigo anterior Consumo de Proteína, qual o limite?! o limite encontrado por diversos estudos para o consumo de proteína será de 3.8g/kg corporal (em pessoas saudáveis), mas devemos olhar para estes valores e enquadrá-los com o objectivo/tipo de pessoa/tipo de esforço físico que cada pessoa tem.

Pessoas sedentárias obviamente não devem ingerir nem perto das 3.8g/kg corporal de proteína se querem perder gordura e isto pelo motivo acima identificado (conversão dos aminoácidos em HC pelo fígado).

Se cortarmos nos HC (cereais, alimentos processados, açúcar, etc) deveremos substituir essas calorias em "falta" por Gorduras (que ainda hoje é um macro-nutriente demonizadado), já que ao contrário das proteínas não estimulam a insulina.

Algumas considerações:

  • Não devemos olhar só para o macro-nutriente em si, mas sim para a sua origem. Já que há más gorduras (gorduras hidrogenadas/gorduras trans), maus hidratos de carbono (cereais) e más proteínas (gluten) assim como há boas fontes de todos estes macro-nutrientes.
  • Obviamente que se baixarmos aos HC, deveremos ingerir proteína e em boas quantidades (aprox.2g/kg, dependendo esses valores de vários factores), mas também bastantes gorduras (macro-nutriente que é muitas vezes descurado numa dieta de perda de peso)

1 comentário:

  1. Sugestão de gorduras que devemos "reforçar"? Sardinha e cavala em lata são boas opções? Côco desidratado/creme? Abacate? Vitela bio?

    ResponderEliminar