sábado, 26 de setembro de 2015

Serão os produtos alimentares "sem glúten" seguros para os doentes Celíacos?

Além de caros, serão os produtos alimentares "sem glúten" seguros para os doentes Celíacos? Pois bem numa publicação que fiz na página oficial do facebook do blog JunkFood Unmask (ver link, para poder ver toda a história desta publicação), sobre um dos produtos alimentares deste género fui fortemente atacado e inclusivamente ameaçado por mensagem privada.

Felizmente a Ciência tem nos trazido muitas respostas ao mundo da nutrição. Para não alimentar mais polémica deixo aqui um estudo publicado para que os interessados possam tirar as suas próprias conclusões:
O aumento observado em respostas de anticorpos para algumas (foram 5 grupos de proteínas sem glúten do trigo) proteínas do trigo sem glúten específicas levanta a questão óbvia de a resposta imune identificado pode ser relevante para o mecanismo patogénico da doença celíaca, já que numa reposta similar à dada a proteínas do trigo com glúten, as proteínas do trigo sem glúten como a serpina são resistentes à digestão, sendo também possível que os anticorpos detectados nas proteínas do trigo sem glúten ajudem a contribuir para a lesão da mucosa.

Embora pesquisas futuras devam investigar de uma maneira mais profunda para poder esclarecer até que ponto um produto alimentar (industrializado) sem glúten é viável ou não, a minha opinião é clara: comam alimentos de verdade! Mantenham-se numa alimentação sem glúten, mas não comam "Sem Glúten".

De resto este post, não serve para atacar ninguém, apenas para expressar a minha opinião e sobretudo para partilhar mais um artigo com base cientifica.


Sem comentários:

Enviar um comentário