terça-feira, 5 de agosto de 2014

Insulina..Hiperinsulinismo..Obesidade..Doenças Metabólicas. PARTE I

A insulina é uma hormona da qual todos vós seguidores do JunkfoodUnmask já ouviram falar.

Vou tentar que o conteúdo deste artigo seja o mais simples possível para que todos vós entendam o porque de eu insistir tanto com o controle de hidratos de carbono no geral e sobretudo na eliminação de alimentos junk da vossa alimentação. E isto tudo porque eles são os responsáveis pelo Hiperinsulinismo que acarretará obrigatóriamente doenças metabólicas.

A insulina é uma das substâncias mais potentes e eficazes que o corpo utiliza para controlar a utilização, distribuição e armazenamento de energia. Basicamente ela é a responsável por controlar a glucose.

Os hidratos de carbono que comemos fornecem ao nosso corpo açúcares que serão transformados em glucose, sendo claro que deste modo quando comemos muitos hidratos de carbono iremos ficar com muita glucose no sangue. O que à partida poderá parecer bom, visto que supostamente aqueles hidratos de carbono se transformaram em energia para o nosso corpo. Infelizmente esta é uma ideia completamente errada e um grave erro que tem sido negligenciado por muitos profissionais de saúde (basta ver a roda dos alimentos)



Ao ingerirmos HC iremos ter um impacto nos níveis de glicemia (em que a qualidade e quantidade determinará a reacção da glicemia), para poder ser útil ao corpo a glucose terá ser ser transportada até às células e é aqui que a insulina entra. Pensem na insulina como num autocarro em que terá de transportar a glucose do sangue até às células. Chegando às células só podem acontecer 3 coisas a essa glucose:
  1. Essa glucose pode ser mobilizada para obtenção de energia imediata
  2. Pode ser convertido em glicogénio 
  3. Ou pode ser armazenada sob a forma de gordura
O que acontece em dietas ocidentais e para sermos ainda mais precisos, à grande maioria dos Portugueses é que baseia a sua alimentação em mais de 60% (para não dizer mais ainda) em Pão, Massas, Arroz, Batatas, "cereais" de pequeno almoço, pequenos snacks onde aparecem sempre bolos, bolachas, até os refrigerantes fazem parte de qualquer mesa de esplanada aqui no nosso País, já para não falar na quantidade de cafés e 1/2 de leite que são ingeridos com o pacotinho de açúcar refinado. A isto tudo temos de somar, em que alimentos como carne e peixe são meros enfeites e que os ovos são considerados maus para a saúde quando ingeridos todos os dias, assim como comer azeitonas engorda porque são muito calóricas?!?!?!

Pois bem, o que acontece é muito simples, quando os níveis de glucose sobem o pâncreas liberta insulina para, como disse anteriormente, transportar essa mesma glucose às células. E aqui é que começa o problema, pois quando não estamos a ter actividade física e quando os nosso níves de glicogénio estão repostos (daí a importância de consumir HC antes e pós-treino), as nossas ncessidades de HC estão preenchidas e ao estarem preenchidas o nosso corpo tem de fazer algo com o excesso de glucose. E o que acontece é que simplesmente o nosso fígado transforma toda essa glucose em GORDURA. E é fácil perceber em que zonas do corpo ela se instala: barriga, coxas, nádegas....e fácil, fácil, fácil é o corpo armazenar gordura pois tem muito mais capacidade para o fazer do que armazenar os açúcares (glucose) que apenas tem pequenos depósitos para o fazer nos músculos e, em menor quantidade, no fígado.



E assim surge a obesidade...para que fiquem alertados toda essa gordura tem nome principal: triglicéridos!!

Na PARTE II, deste artigo iremos perceber o que é o Hiperinsulinismo e a que doenças estaremos expostos com a actual alimentação que levamos....e a título de curiosidade irão perceber porque podem (e devem) comer azeitonas sem terem o medo de aumentarem a gordura corporal com isso.

Sem comentários:

Enviar um comentário